Atlético de Madrid presta homenagem aos sócios mais antigos do clube

Atlético de Madrid presta homenagem aos sócios mais antigos do clube

Ativação comovente em homenagem do Atlético de Madrid

Ativação no esporte é uma chave para encontrar o sucesso. No dia 25 de dezembro de 2016, mostramos a bacana atitude do Everton. Os jogadores telefonaram para seus torcedores idosos, mais carentes, desejando um feliz natal. Você pode ver aqui.

Agora o bom exemplo vem da Espanha. Com o Atlético de Madrid. Os sócios antigos do Atleti foram convidados a comparecer ao Vicente Calderón, estádio do clube, no jogo entre Atlético x Betis. Com a iminente mudança para o novo estádio já na próxima temporada, o Wanda Metropolitano, os sócios acreditavam que seriam convidados a ver o jogo da seção presidencial. Mas não imaginavam o que estava por vir.

O resto, deixo para o vídeo. O sorriso deles é contagiante!

Maravilloso este momento vivido por y con los socios más antiguos del Atlético de Madrid. Gracias a este gran club por ser cómplice de nuestras locuras

Posted by El Hormiguero on Monday, January 16, 2017

Aprendizado

Podemos tirar boas lições. Claro que a lição de humanidade é a primordial. A sensibilidade ao ver uma cena como essa é tocante para qualquer um que tenha sangue nas veias. Mas cultive sua criatividade. É difícil “aprender a ter criatividade”. Por isso leia muito, veja muitos filmes. Esteja atento ao que acontece no mundo. Com um toque a mais de sensibilidade, você consegue emocionar o mundo do futebol. O Atleti conseguiu isso com essa homenagem, enquanto seu video rodou o mundo. Atingiu os Colchoneros e, claro, torcedores pelo mundo.

Valorizar a história do clube, dando merecimento a idosos torcedores que por tanto tempo são sócios. Eis o pontapé inicial para resgatar a memória e levar para as novas gerações as tradições do clube. Os torcedores da melhor idade merecem. Emocionar os torcedores com uma ação, em que deve-se frisar que é benéfica para as partes é ponto pacífico para levar a marca do clube para além das fronteiras. É muito mais que futebol.

(foto: reprodução)

Deixe uma resposta